Por que estudar Enfermagem na CESPU?

Com a alta demanda de profissionais na área e nas diversas possibilidades de atuação, a formação dos profissionais de Enfermagem precisa estar em um alto nível de qualidade para embarcar em um mercado de trabalho altamente valorizado. No Curso de Enfermagem da CESPU, o aluno é inserido nos campos de práticas já nos primeiros semestres, além de ter um corpo docente qualificado e laboratórios inovadores e equipados para aulas práticas, visando formar um profissional apto para atuar em cenários com diferentes níveis de complexidade, tanto no mercado nacional como no mercado internacional.
Dê o primeiro passo para o início da sua carreira!

Realizar o seu sonho de uma graduação internacional só depende de você!
Matricule-se agora e ganhe uma bolsa de 70% durante todo o curso*

Investir em novos talentos é uma das missões da CESPU Europa no Brasil. Por isso, estamos oferecendo bolsas de estudo de 70% para as turmas inaugurais dos cursos de: Odontologia, Enfermagem, Fisioterapia e Psicologia. E o melhor de tudo: as bolsas são garantidas por todo o curso. 

Uma oportunidade única de estudar em uma faculdade de alto nível, com network internacional e bem avaliada pelo MEC.

*Oferta limitada e exclusiva para os candidatos que se matricularem via ENEM (Nota acima de 550) ou Vestibular CESPU (Nota acima de 75) no período de 2023.1.

Sua nota do Enem vale bolsa
de até 100% na CESPU

Inscreva-se agora e garanta as duas primeiras mensalidades por R$ 50,00*

Investir em novos talentos é uma das missões da CESPU Europa no Brasil. Por isso, estamos oferecendo bolsas de até 100%* para os alunos que ingressarem em 2023.1 com a nota do ENEM.

Uma oportunidade única de estudar em uma faculdade de alto nível, com network internacional e bem avaliada pelo MEC.

Quanto maior a nota, maior a bolsa!

300 a 399 – 50%

400 a 500 – BOLSA DE 55%

501 a 600 – BOLSA DE 60%

601 a 700 – BOLSA DE 65%

701 a 800 – BOLSA DE 70%

801 a 900 – BOLSA DE 80%*

901 A 999 – BOLSA DE 90%*

1000 – BOLSA DE 100%*

Realizar o seu sonho de uma graduação internacional só depende de você!

Investir em novos talentos é uma das missões da CESPU Europa no Brasil. Por isso, estamos oferecendo 50 bolsas de estudo de 100% para os cursos de Odontologia, Enfermagem, Fisioterapia, Psicologia e Educação Física. E o melhor de tudo: as bolsas são garantidas por todo o curso. 

Uma oportunidade única de estudar em uma faculdade de alto nível, com network internacional e bem avaliada pelo MEC.

*Oferta limitada para os 10 primeiros candidatos de cada curso que se matricularem, via ENEM (Nota acima de 550) ou Vestibular CESPU (Nota acima de 75) no período de 2023.1.

Perfil dos estudantes

Nossos estudantes saem formados com a preparação necessária para atuar profissionalmente, compreendendo a natureza humana em suas dimensões, em suas expressões e fases evolutivas, incorporando a ciência/arte do cuidar como instrumento de interpretação profissional.

Proporcionamos aos nossos alunos:

  • Alto padrão de ensino;
  • Convênios com hospitais, clínicas especializadas e instituições de Saúde;
  • Oportunidade de intercâmbio na nossa matriz, em Portugal.
  • Articulação da teoria com a prática, valorizando a pesquisa, estágios e a participação em atividades de extensão;
  • Oportunidade para revalidação do seu diploma brasileiro, ao final do curso, desenvolvendo uma formação complementar para adquirir o título português.

Infraestrutura

Investir em novos talentos é uma das missões da CESPU Europa no Brasil. Por isso, lançamos um Super Concurso de Bolsas para os cursos de:
Odontologia, Enfermagem, Fisioterapia, Psicologia e Educação Física.

O Vestibular será realizado no dia 27/05/2023, às 09h, presencialmente.

Aproveite esta oportunidade única de estudar em uma Faculdade referência no ensino da Saúde e se preparar para o Mercado Internacional. 

Matricule-se agora para 2024.1
e garanta essa oportunidade imperdível:

Mensalidade | Enfermagem

Campus Pernambuco
R$1350
R$ 675
00 /mês*
(para pagamentos feitos até o dia 10 de cada mês*)
  • Laboratórios inovadores e bem equipados
  • Professores com alta qualificação
  • Network internacional

Graduação em Enfermagem

CESPU - Campus Pernambuco
Bolsa de 60%
no curso todo*
  • Laboratórios inovadores e bem equipados
  • Práticas desde o primeiro período
  • Professores mestres e doutores
  • Curso 100% presencial
  • Network internacional

Estude Enfermagem na CESPU
com o FIES

O FIES agora é aceito como forma de pagamento. Assim você consegue financiar seu curso e só precisará pagar quando se formar.

Informações gerais do curso

COORDENADORA

Profa. Nadynne Pastoriza

• Doutoranda em Enfermagem UPE
• Mestre em Enfermagem UPE
• Especialista em Saúde da Mulher, ginecologia e obstetrícia
• Especialista em didática pedagógica UFPE
• Graduação em Enfermagem UFPE
• Técnica em Enfermagem 
• Enfermeira concursada Prefeitura do Recife e SES

Formas de igresso

Vestibular Presencial

Vestibular Online

ENEM

Portador de Diploma

Transferência

Documentos do curso

OBJETIVOS DO CURSO

 

Objetivo Geral

O Curso de Bacharelado em Enfermagem da FACCE tem o propósito de atender ao perfil profissiográfico do referido curso, relacionado com as oportunidades concretas do mercado de trabalho, na atual conjuntura social, política e cultural. Entende-se que esta conjuntura requer profissionais competentes, críticos e criativos, na perspectiva da formação do capital intelectual; portanto, capazes de criar ou redescobrir caminhos, na área da Enfermagem, que respondam às demandas colocadas pela sociedade globalizada, formando assim, enfermeiros capazes de atender às demandas de saúde da população, possuindo visão crítica da realidade e do contexto sociopolítico e econômico, de modo a possibilitar sua participação em ações transformadoras no âmbito da saúde.

 

Objetivos Específicos

  • Fornecer sólida formação geral ao futuro graduado em Enfermagem, para que o mesmo possa vir a superar os desafios de renovadas condições do exercício profissional e da produção de conhecimento;
  • Oferecer a formação geral dos egressos de Enfermagem englobando o cuidado na perspectiva da promoção, prevenção, recuperação e reabilitação da saúde;
  • Fortalecer a articulação da teoria com a prática, valorizando a pesquisa individual e coletiva, assim como também, estágios e a participação em atividades de extensão;
  • Promover a extensão, aberta à participação da população, visando a difusão das conquistas e benefícios resultantes da pesquisa científica e tecnológica e da criação cultural gerada na Instituição;
  • Estimular práticas de estudos independentes, visando uma progressiva autonomia intelectual e profissional;
  • Suscitar o desejo permanente de aperfeiçoamento profissional e cultural e possibilitar a correspondente concretização.

 

PERFIL PROFISSIOGRÁFICO

Perfil do Egresso

Enfermeiro com formação generalista, humanista, crítica, reflexiva e empreendedora. Profissional qualificado para o exercício do cuidar em Enfermagem, com base no rigor científico e intelectual, pautado em princípios éticos. Capaz de conhecer e intervir sobre os problemas/situações de saúde- doença no perfil epidemiológico nacional, com ênfase na região de atuação, identificando as dimensões biopsicossociais. Capaz de criar ou redescobrir caminhos na área da enfermagem que respondam às demandas postas pela sociedade globalizada, bem como atuar de maneira interdisciplinar com senso de responsabilidade socioambiental e compromisso com a cidadania, atuando como promotor da saúde integral do ser humano junto a indivíduos, famílias e coletividade.

 

Competências e Habilidades

Ao concluir o Curso de Bacharelado em Enfermagem, o Enfermeiro deverá estar apto para as seguintes competências e habilidades conforme o Parecer 1.133/2001 e a Resolução CNE/CES nº 03, de 07 de novembro de 2001 – das Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Enfermagem.

  • Atenção à saúde: os profissionais de saúde, dentro de seu âmbito profissional, devem estar aptos a desenvolver ações de prevenção, promoção, proteção e reabilitação da saúde, tanto em nível individual quanto coletivo. Cada profissional deve assegurar que sua prática seja realizada de forma integrada e contínua com as demais instâncias do sistema de saúde, sendo capaz de pensar criticamente, de analisar os problemas da sociedade e de procurar estratégias de superação para os mesmos. Os profissionais devem realizar seus serviços dentro dos mais altos padrões de qualidade e dos princípios da ética/bioética, tendo em conta que a responsabilidade da atenção à saúde não se encerra com o ato técnico, mas sim, com a resolução do problema de saúde, tanto em nível individual quanto coletivo e suas múltiplas facetas;

 

  • Tomada de decisões: o trabalho dos profissionais de saúde deve estar fundamentado na capacidade de tomar decisões visando o uso apropriado, eficácia e custo-efetividade, da força de trabalho, de medicamentos, de equipamentos, de procedimentos e de práticas. Para este fim, os mesmos devem possuir competências e habilidades para avaliar, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências científicas;

 

  • Comunicação: os profissionais de saúde devem ser acessíveis e devem manter a confidencialidade das informações a eles confiadas, na interação com outros profissionais de saúde e o público em geral. A comunicação envolve comunicação verbal, não-verbal e habilidades de escrita e leitura;

 

  • Liderança: no trabalho em equipe multiprofissional, os profissionais de saúde deverão estar aptos a assumir posições de liderança, sempre tendo em vista o bem estar da comunidade. A liderança envolve compromisso, responsabilidade, empatia, habilidade para tomada de decisões, comunicação e gerenciamento de forma efetiva e eficaz;

 

  • Administração e gerenciamento: os profissionais devem estar aptos a tomar iniciativa, fazer o gerenciamento e administração tanto da força de trabalho, dos recursos físicos e materiais e de informação, da mesma forma que devem estar aptos a serem empreendedores, gestores, empregadores ou lideranças na equipe de saúde;

 

  • Educação permanente: os profissionais devem ser capazes de aprender continuamente, tanto na sua formação, quanto na sua prática. Desta forma, os profissionais de saúde devem aprender a aprender e ter responsabilidade e compromisso com a sua educação e o treinamento/estágio das futuras gerações de profissionais, proporcionando condições para que haja benefício mútuo entre os futuros profissionais e os profissionais dos serviços, inclusive, estimulando e desenvolvendo a mobilidade acadêmico/profissional, a formação e a cooperação através de redes nacionais e internacionais.

 

Competências e Habilidades Específicas

O enfermeiro deve possuir, também, competências técnico-científicas, ético-políticas, sócio-educativas contextualizadas que permitam:

  • Atuar profissionalmente, compreendendo a natureza humana em suas dimensões, em suas expressões e fases evolutivas;
  • Incorporar a ciência/arte do cuidar como instrumento de interpretação profissional;
  • Estabelecer novas relações com o contexto social, reconhecendo a estrutura e as formas de organização social, suas transformações e expressões;
  • Desenvolver formação técnico-científica que confira qualidade ao exercício profissional;
  • Compreender a política de saúde no contexto das políticas sociais, reconhecendo os perfis epidemiológicos das populações;
  • Reconhecer a saúde como direito e condições dignas de vida e atuar de forma a garantir a integralidade da assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de complexidade do sistema;
  • Atuar nos programas de assistência integral à saúde da criança, do adolescente, da mulher, do adulto e do idoso;
  • Ser capaz de diagnosticar e solucionar problemas de saúde, de comunicar-se, de tomar decisões, de intervir no processo de trabalho, de trabalhar em equipe e de enfrentar situações em constante mudança;
  • Reconhecer as relações de trabalho e sua influência na saúde;
  • Atuar como sujeito no processo de formação de recursos humanos;
  • Responder às especificidades regionais de saúde através de intervenções planejadas estrategicamente, em níveis de promoção, prevenção e reabilitação à saúde, dando atenção integral à saúde dos indivíduos, das famílias e das comunidades;
  • Considerar a relação custo-benefício nas decisões dos procedimentos na saúde;
  • Reconhecer-se como coordenador do trabalho da equipe de enfermagem;
  • Assumir o compromisso ético, humanístico e social com o trabalho multiprofissional em saúde;
  • Promover estilos de vida saudáveis, conciliando as necessidades tanto dos seus clientes/pacientes quanto às de sua comunidade, atuando como agente de transformação social;
  • Usar adequadamente novas tecnologias, tanto de informação e comunicação, quanto de ponta, para o cuidar de enfermagem;
  • Atuar nos diferentes cenários da prática profissional, considerando os pressupostos dos modelos clínicos e epidemiológicos;
  • Identificar as necessidades individuais e coletivas de saúde da população, seus condicionantes e determinantes;
  • Intervir no processo saúde-doença, responsabilizando-se pela qualidade da assistência/cuidado de enfermagem em seus diferentes níveis de atenção à saúde, com ações de promoção, prevenção, proteção e reabilitação à saúde, na perspectiva da integralidade da assistência;
  • Coordenar o processo de cuidar em enfermagem considerando contextos e demandas de saúde;
  • Prestar cuidados de enfermagem compatíveis com as diferentes necessidades apresentadas pelo indivíduo, pela família e pelos diferentes grupos da comunidade;
  • Compatibilizar as características profissionais dos agentes da equipe de enfermagem às diferentes demandas dos usuários;
  • Integrar as ações de enfermagem às ações multiprofissionais e de tecnologias de comunicação e informação;
  • Gerenciar o processo de trabalho em enfermagem com princípios de Ética e Bioética, com resolutividade tanto em nível individual como coletivo em todos os âmbitos de atuação profissional;
  • Planejar, implementar e participar dos programas de formação e qualificação contínua dos trabalhadores de enfermagem e de saúde;
  • Planejar e implementar programas de educação e promoção à saúde, considerando a especificidade dos diferentes grupos sociais e dos distintos processos de vida, saúde, trabalho e adoecimento;
  • Desenvolver, participar e aplicar formas de produção de conhecimento, a partir da perspectiva interdisciplinar, que objetivem a qualificação da prática profissional;
  • Respeitar os princípios éticos, legais e humanísticos da profissão;
  • Interferir na dinâmica de trabalho institucional, reconhecendo-se como agente desse processo;
  • Utilizar os instrumentos que garantam a qualidade do cuidado de enfermagem e da assistência à saúde;
  • Participar da composição das estruturas consultivas e deliberativas do sistema de saúde;
  • Assessorar órgãos, empresas e instituições em projetos de saúde;
  • Cuidar da própria saúde física e mental e buscar seu bem-estar como cidadão e como enfermeiro;
  • Reconhecer o papel social do enfermeiro para atuar em atividades de política, planejamento, programação e organização de sistemas e serviços de saúde.

 

CAMPOS DE ATUAÇÃO PROFISSIONAL

A área de atuação do enfermeiro tem sido ampliada de forma considerável em decorrência dos avanços científicos e tecnológicos, bem como da crescente globalização da economia e do conjunto de políticas de saúde e educacionais do país. Dentre as áreas de atuação do enfermeiro podemos destacar:

 

  • Gestão da assistência e dos serviços de enfermagem em consultórios, ambulatórios, clínicas, assistência domiciliar, instituições gerontológicas de longa permanência, hospital dia, hospitais gerais e especializados, serviços de urgência e emergência;
  • Gestão da assistência e dos serviços de enfermagem e programas de saúde coletiva;
  • Desenvolvimento profissional/educação continuada nas Instituições de Saúde;
  • Ensino (médio e superior) e pesquisa;
  • Auditorias da assistência de enfermagem, convênios e seguros saúde;
  • Consultoria em instituição de saúde e representação de indústrias farmacêuticas, material e equipamentos médicos hospitalar.

 

A implantação do SUS e a consequente ampliação de programas governamentais para a área da saúde tem se constituído em elemento de considerável ampliação da inserção do enfermeiro nas atividades de atenção básica em saúde. Entre estes programas podemos destacar: Programas de Vigilância (Sanitária, Epidemiológica, Ambiental e Saúde do Trabalhador), Programas de Assistência à Saúde da Mulher, da Criança, do Adolescente, do Idoso e do Homem, aos dependentes de drogas, aos portadores de doenças sexualmente transmissíveis, aos portadores de doenças crônicas e degenerativas, entre outros.

Outro campo de atuação que tem se expandido nos últimos anos está ligado à gerência de unidades de saúde, inclusive gestão de secretarias municipais de saúde, onde o enfermeiro tem oportunidade de aplicar os conhecimentos de administração e organização de serviços e sistemas de saúde ministrados durante o curso.

O curso contempla no seu projeto político pedagógico conteúdos específicos que fornecerão subsídios ao egresso para atuarem nestas diversas áreas de abrangência profissional, propiciando, assim, uma melhor condição de empregabilidade.

 

ESTRUTURA E CONCEPÇÃO CURRICULAR

Carga Horária e Período de Integralização do Curso

A duração mínima do Curso de Bacharelado em Enfermagem da FACCE será de 4.120 horas somadas às 140 horas de atividades complementares e 40 horas de optativas.

O Curso de Bacharelado em Enfermagem está distribuído em 10 semestres, ao longo dos quais deverá ser cumprida uma carga horária total de 4.300 horas. Esta carga horária está distribuída em disciplinas de formação geral, de formação básica, de formação profissionalizante e específica, estágio supervisionado e em outras atividades (trabalho de conclusão de curso e atividades complementares)

O curso de Bacharelado em Enfermagem da FACCE tem tempo mínimo de 05 (cinco) anos e máximo de 07 (sete) anos para integralização.

Grade curricular

Conheça o planejamento de matérias para a formação em cada período de Enfermagem:

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

Anatomia Humana I

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Citologia 

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Saúde Pública

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Biossegurança e Primeiros Socorros

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem e Sociedade

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Cidadania e Interculturalismo

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Subtotal

400 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

Anatomia Humana II

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Histologia

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Fisiologia Humana

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Bioquímica e Biofísica

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Filosofia, Ética e Desenvolvimento Humano

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Parasitologia 

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Subtotal

400 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

Microbiologia e Imunologia

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Bioética e Deontologia em Enfermagem

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Bases Teóricas e Metodológicas do Cuidar I

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Genética e Embriologia

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Metodologia do Trabalho Científico

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Bioestatística 

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Subtotal

400 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

Bases Teóricas e Metodológicas do Cuidar II

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Sistematização da Assistência de Enfermagem

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Patologia Geral

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Farmacologia Aplicada a Enfermagem I

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Educação em Saúde 

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Espiritualidade e Saúde

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Psicologia Aplicada a Saúde I

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Subtotal

400 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

Enfermagem na Atenção à Saúde Mental

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem na Atenção à Saúde da Mulher

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem na Atenção à Saúde da Criança e do Adolescente I

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem na Atenção à Saúde do Adulto e Idoso I

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Nutrição Aplicada a Enfermagem

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Farmacologia aplicada a Enfermagem II

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Subtotal

400 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

Enfermagem em Clínica Cirúrgica

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem em Centro Cirúrgico e Centro de Material de Esterilização

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem na Atenção à Saúde do Adulto e Idoso II

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem Baseada em Evidências

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Exames Laboratoriais e imaginologia

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Subtotal

360 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

Enfermagem na Atenção à Saúde do Trabalhador

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem em Unidade de terapia Intensiva

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem em Urgência e Emergência

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Vigilância em Saúde

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Administração em Enfermagem

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Subtotal

360 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

Enfermagem em Obstetrícia

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem em Neonatologia

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem na Atenção à Saúde da Criança e do Adolescente II

4 h/l

80 h/l

80 h/l

Enfermagem Oncológica e Cuidados paliativos

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Liderança e Empreendorismo

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Home Care e Telenfermagem 

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Subtotal

360 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

TCC I

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Estágio Curricular I

48 h/l0

Subtotal

520 h/l

 

COMPONENTE CURRICULAR

CH SEMANAL

CH SEMESTRAL

TOTAL

TCC II

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Estágio Curricular II

480 h/l

Subtotal

520 h/l

 

Língua Brasileira de Sinais

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Saúde e Educação Ambiental

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Práticas Terapeutas Complementares

2 h/l

40 h/l

40 h/l

Localização

Faculdade CESPU Europa

Estr. da Batalha, 1200 – Jaboatão dos Guararapes – PE, 54313-570

Dê o primeiro passo para o início da sua carreira!
Vestibular Faculdade CESPU Europa 2023.1